Formação do Programa Saúde nas Escolas (PSE) – Prefeitura Municipal da Ilha de Itamaracá

Formação do Programa Saúde nas Escolas (PSE)

Tags: , , , , , , , ,
Publicado em 17 de março de 2017, por ASCOM Ilha de Itamaracá | Categoria: Destaque

 

Na manhã desta sexta-feira (17), a prefeitura da Ilha de Itamaracá através da Secretaria de Saúde realizou uma formação para profissionais da educação sobre álcool, tabaco e outras drogas além de Doenças Sexualmente Transmissíveis  DST/AIDS.

A assistente social do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), Ana Paula, palestrou sobre Álcool e drogas. Ana explicou os danos causados a saúde para os usuários. Segundo a assistente social, o índice de álcool e drogas dentro do município está muito grande.

 

 

“O intuito dessa formação é passar para os gestores formas de prevenção para que possamos

diminuir a quantidade de usuários de drogas e álcool dentro de Itamaracá”.

 

 

 

O terapeuta holístico, Celivaldo Guerra, um convidado a palestrar, falou sobre a dependência química. “Temos que preparar o pessoal para não cair na compulsão do uso abusivo de drogas”, disse Celivaldo.

 

A Coordenadora do  Programa de Saúde nas Escolas (PSE) e Educadora Permanente de Saúde, Maria Gabriela Duda, palestrou sobre DST/AIDS.

“A partir da palestra de DST/AIDS, os profissionais conseguem identificar crianças que estejam sofrendo algum tipo de violência sexual.”

 

 

“Prevenir é importantíssimo e eu sempre converso com os alunos e digo o quanto o uso das drogas é prejudicial tanto a saúde quanto ao convívio social”, disse a gestora escolar, Mariluce Honorato.

A gestora escolar, Franciane Amaral, falou do que espera com essa formação: “A expectativa é boa e vamos crer que teremos resultados positivos.”

 

A professora, Anatilde Ferreira, comentou da importância dessa parceria entre saúde e educação. “Hoje

estamos aqui aprendendo para repassar para os professores para que possamos trabalhar com nossos

alunos, principalmente os que estão entrando na fase da pré-adolescência.”

 

 

 

 

O Secretário de Educação, Gildo Júnior, contou sobre o objetivo da parceria. “Essa parceria está sendo criada para que gestores e educadores de apoio virem multiplicadores e isso vai ser repassado para os nossos professores. Nosso objetivo é trabalhar desde os pequenininhos para ir mostrando os prejuízos não só para a saúde como também para social, a geração de violência através das drogas e entre outros fatores prejudiciais.”

Informações:SECOM

Matéria e fotos: Micaela de Farias

#TrabalhandoJuntosPorUmaNovaIlha

This is also important when you learn how midnightpapers.com to write a reaction paper from us.